logo

Tristeza dos Anjos

  • Home
  • /
  • Catálogo
  • /
  • Tristeza dos Anjos
  • Autor
  • Coleção
  • ISBN 9789896231941
  • PVP 18.79 € (IVA incluído)
  • preço livre
  • 1ª Edição setembro 2014
  • Edição atual 1
  • Páginas 280
  • Dimensões 150 X 225 mm
  • Disponibilidade
    Disponível
  • Comprar

Na Islândia, a natureza é dura, austera e terrivelmente fria, quase tão rude quanto o coração dos homens; e, no entanto, confrontados com a grandeza das paisagens e a hostilidade dos elementos, estes continuam obstinadamente a opor-lhes a sua força até caírem de exaustão. Duas solidões inconciliáveis que se unem numa marcha épica através do inferno branco, uma batalha fraterna para defender a dignidade do homem contra o cruel mistério da natureza.

Com a voz encantada de poesia, Jón Kalman Stéfansson narra uma viagem rumo à origem da própria existência, onde a mais dura das condições convive com a mais vertiginosa das liberdades e, à doce tentação da morte se opõe a luz que transportamos dentro de nós e que, apesar de tudo, se recusa a ceder às trevas.

Jón Kalman Stefánsson nasceu em Reiquiavique, em 1963.

Os seus livros, publicados em 27 países, foram distinguidos com numerosos prémios, entre os quais se destacam o prestigiado prémio de literatura islandesa P.O. Enquist, em 2011, e o Bottari Lattes Grinzane, tendo sido igualmente finalista dos prémios Fémina Étranger, Médicis e Independent.

Livros publicados


Aproximadamente do Tamanho do Universo

    A beleza crua da vida inscreve-se na paisagem dramática da Islândia através de uma linguagem lírica e atual.

    Os Peixes Não Têm Pés

      Finalista do Man Booker International Prize.

      O Coração do Homem

        Tendo por cenário a natureza hostil do extremo norte da Islândia no século XIX, O Coração do Homem é uma profunda indaga­ção sobre a vida, o amor e o desejo, escrito com sublime simpli­cidade e poesia.

        Paraíso e Inferno

          Islândia, século XIX: um pequeno barco de pesca ao largo de um ponto remoto da ilha é apanhado no meio de um violento temporal.