logo

Mistérios

  • Home
  • /
  • Catálogo
  • /
  • Mistérios
  • Autor
  • Coleção
  • ISBN 9789896231729
  • PVP 19.99 € (IVA incluído)
  • preço livre
  • 1ª Edição outubro 2013
  • Edição atual 2
  • Páginas 295
  • Dimensões 150 X 225 mm
  • Disponibilidade
    Disponível
  • Comprar

A chegada de um misterioso estrangeiro, de nome Johan Nagal, a uma pequena cidade costeira da Noruega, transformará para sempre a apa­rente vida tranquila e inocente dos seus habitantes. Nagal, indivíduo controverso, com uma personalidade irracional e autodestrutiva, simul­taneamente um herói e um charlatão, estabelecerá uma relação especial com Grøgaard, o Anão, personagem repudiada por todos. Com a involun­tária ajuda deste exporá todos os segredos da pequena comunidade, fazendo emergir os seus instintos mais negros e os seus desejos repri­midos, para depois desaparecer logo a seguir, tão misteriosamente como quando surgiu.

Mistérios, pela primeira vez traduzido em português, é unanimemente considerado pela crítica uma das obras fundamentais da literatura mun­dial e Johan Nagel uma das personagens mais enigmáticas e marcantes desta. Um livro que impressionou os seus contemporâneos pela radical (e polémica) visão do mundo que destila das suas páginas, cuja leitura provoca ainda hoje o mesmo forte impacto no leitor.

Prémio Nobel de Literatura 

Knut Hamsun (1859‒1952) nasceu em Gudbrandsdalen e cresceu na pobreza em Hamarøy, na Noruega. Publicou o seu muito aclamado romance Fome (1890), ao qual se seguiram Mistérios (1892), Pan (1894), Victoria (1898) e Frutos da Terra (1917) — obras-primas do início da modernidade na Literatura, o que lhe valeu a atribuição do prémio Nobel. 

Figura controversa, Hamsun conheceu tanto a glória literária quanto, no final da sua vida, o mais aceso repúdio dos seus contemporâneos, o qual se ficou a dever às simpatias do autor pelo regime nazi. Terminada a guerra, tais posições valeram-lhe o julgamento por traição. Acabaria os seus dias na mais completa pobreza.

 

Livros publicados


Fome

    Os delírios solitários e reflexões de um jovem escritor. Um romance marcante, considerado o início da grande literatura do século xx.

    Victoria

      Victoria, livro de rara beleza narrativa, é uma das obras mais representativas de Knut Hamsun.

      Pan

        Pan é, desde a sua publicação, um dos livros mais apreciados e amados de Knut Hamsun.

        Os Frutos da Terra

          Grande épico da vida rural, cujo imediato e enorme sucesso internacional foi em grande medida responsável pela atribuição, três anos depois da sua publicação, do prémio Nobel ao autor.