• Autor José Donoso
  • Ilustrador
  • Coleção Esgotados Permanentemente
  • ISBN 9789896230784
  • PVP 22,99 € (IVA incluído)
  • preço livre
  • 1ª Edição março 2008
  • Edição atual 1.ª
  • Páginas 440
  • Apresentação
  • Dimensões 150 X 240 mm
  • Idade

Romance escrito, segundo a crítica, «com mão de mestre e cabeça de génio», Casa de Campo é um dos livros  fundamentais da literatura sul-americana.

Ambientado no século XIX, este magnífico romance retrata os acontecimentos passados num dia muito especial de uma mansão senhorial. A ausência inesperada dos proprietários adul­tos origina que as crianças assumam o controlo da casa e, juntamente com os servos e indígenas que trabalham nas minas da propriedade, a trans­formem em domínio erótico e febril. Construída pela família Ventura, a casa, com os seus salões, quartos e caves labirínticas é um lugar de magnificência, mas também um convite à trangressão. Esta festiva irrupção de pulsões reprimidas propiciará uma ruptura radical com a ordem social e a instaura­ção de um novo mundo mágico, anárquico, exu­berante, mas igualmente doloroso.

José Donoso nasce em Santiago, no Chile, em 1924. Depois de uma passagem pelo Sul do país, inscreve-se na Universidade do Chile, onde estuda Literatura Inglesa, e, graças a uma bolsa, entra em Princeton, dedicando-se ao estudo do Inglês antigo.

Escreve alguns contos e, em 1957, período em que viveu com uma família de pescadores em Isla Negra, publica o seu primeiro livro, Coronación. Com uma obra amplamente reconhecida por autores consagrados, como Mario Vargas Llosa, Carlos Fuentes ou Gabriel García Márquez, destacam-se nesta os romances El Obsceno Pájaro de La Noche e Casa de Campo, nos quais expõe, de forma magistral, a psicologia decadente da estrutura social do Chile de Pinochet, tornando-a alegoria universal.

Nome maior da Literatura, recebe várias distinções ao longo da sua carreira, entre a quais o Prémio Nacional de Literatura do Chile, o Prémio da Crítica, em Espanha, o Prémio Mondello ou o Prémio Roger Caillois.

Morre em 1996, na mesma cidade onde nasceu.





Outros livros do mesmo autor

Casa de Campo (José Donoso)

José Donoso

Romance escrito com «mão de mestre e cabeça de génio», Casa de Campo é uma brilhante alegoria sobre o poder e a rebelião.